jun 24, 2016 / by ostinato / In Notícias, veja mais / Leave a comment

Pânico afeta investidores e contratos agrícolas caem fortemente em NY.

SÃO PAULO – O clima de pânico que domina os mercados financeiros globais hoje, após a surpresa com o referendo britânico que indicou a saída do Reino Unido da União Europeia, também ocorre no pregão de agrícolas de Nova York. Todos os contratos futuros caem fortemente. A decisão é considera o pior golpe ao projeto de unificação do continente desde a Segunda Guerra Mundial.

 

“É óbvio que o resultado do plebiscito foi um choque para as bolsas”, resumiu Tobin Gorey, diretor de estratégia de agronegócio do Commonwealth Bank of Australia. Mas, imediatamente, o que afeta o preço das agrícolas é a alta do dólar ante várias moedas. Para Gorey, os produtos americanos ficam mais caros e há uma tendência de aumento das exportações de locais de moedas emergentes, como o Brasil, porque as vendas de café e açúcar, por exemplo, ficam mais rentáveis.

 

Há pouco, os lotes de café arábica mais negociados com vencimento em setembro recuavam 3,7% em Nova York, para US$ 1,3775 por librapeso. Os papeis de açúcar demerara para outubro caíam 2,7%, para 18,54 centavos de dólar por librapeso. E os lotes de cacau para setembro, 4,5%, para US$ 3.047 por tonelada. Os lotes de algodão para julho eram negociados a 64,43 centavos de dólar, com queda de 0,7%.

 

Notícia do Valor Econômico

Por Fernanda Pressinott, com Dow Jones Newswires

Your comment